quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Kakegurui - Episódio 5


Playboyzinho se fufu! Vamo ri vamo ri!


No episódio anterior: Yumeko foi abordada por um playboyzinho metido a besta chamado Kiwatari, que se aproveita das garotas que se tornam Mike. Mas a treta com Kiwatari foi interrompida por Midari, a loucona do Conselho Estudantil. O Conselho Estudantil colocou Yumeko e Saotome em um programa de pagamento de dívidas onde elas teriam suas vidas totalmente controladas, sendo forçadas a casar com políticos. Para evitar esse destino, elas devem entrar no Jogo do Reembolso de Dívidas. Nisso as duas fizeram uma pequena parceria para garantir seu sucesso. Mas no meio desse jogo está o pnc Kiwatarai tentando tirar grana dos já endividados, e as garotas não vão perder a oportunidade de ferrar esse bostinha...
E eu apostei uma Mikudayo nesse jogo!

Bora zoar o Kiwatari!

 Fala ae camaradas Pochis e Mikes! Hoje estamos com sangue nos olhos! Queremos ver massacre, de preferência massacre envolvendo playboyzinho. E eu conheço o playboyzinho perfeito para ser massacrado 😈

 Esse tempo todo a Tsubomi estava trabalhando para o Kiwatari (forçada, lógico), mas Yumeko e Saotome (me acostumei a chamar ela assim, apesar de Mary ser mais fácil) já tinham percebido e usaram a trapaça contra o Kiwatari em uma bela jogada. E a Yumeko é tão zoeira que na cara dura ensinou um método melhor para a Tsubomi trapacear e ainda pediu para o jogo continuar com as trapaças!

 Esse episódio foi muito engraçado com as garotas zoando o Kiwatari, chamando ele de idiota o tempo todo e mostrando que ele é um merdinha no jogo hehehe.

Isso aí! Zoa mais! Zoa maaaaais!!

 Nossa, a Tsubomi tinha um cabelo compridão lindíssimo! Logo vi que a história dela seria perder o cabelo por ter virado Mike, mas não esperava que quem tivesse cortado o cabelo seria o bosta do Kiwatari. Que tipo de imbecil destrói o belo cabelo de uma garota?! Bom, um imbecil como o Kiwatari, lógico. O tipo de cara que trata as garotas como lixo, que não percebe o quão ridículo ele mesmo é.

 O discurso motivacional da Yumeko foi maravilhoso! É algo que faz sentido na série e na vida real também! É um discurso para aqueles que sofrem bullying e também para as mulheres que sofrem abuso, mas que têm medo de fazer uma denúncia ou algo do tipo. Que bom que o discurso fez efeito na Tsubomi e ela conseguiu quebrar suas correntes. Yumeko fazendo heroísmo social!

 Sempre que a Sayaka falava sobre conduta violenta eu achava que ela ia acabar dando uns golpes no Kiwatari, pois eu confundi ela com uma garota da abertura que aparece com uma pose de luta. Jurava que ela seria tipo uma ninja super habilidosa hehehe. Seria interessante, pois assim ela também seria meio que guarda-costas da Kirari, e isso faria bastante sentido.

Parabéns mesmo! Tsubomi quebrou suas correntes!

 O resultado do jogo é um tanto complicado e requer atenção. Assim como o Kiwatari, a Yumeko e a Saotome declararam valores diferentes das dívidas. Mas diferente do abestado, elas não falaram nada sobre isso durante o jogo, e ainda trocaram suas placas de quanto valiam suas fichas, por isso os cálculos do Kiwatari estavam todos errados no final, já que ele estava apostando com base nos números das plaquinhas. A parceria da Yumeko e da Saotome era maior do que parecia, e elas até meteram o Ryouta no meio sem ele saber!

 Ok, o resultado foi complicado, mas não importa se você entendeu ou não, o que importa é que o Kiwatari se ferrou com uma dívida milionária!!! Melhor do que apenas se ferrar no jogo, o pnc ainda levou um baita choque no melão, cortesia da Sayaka! Cena mais linda do episódio hahahaha!!!!! Espera aí, tem que rir mais! Como diz o João Kléber: VAMO RI VAMO RI!!!!
 HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Ai ai ai ai minha barriga... Mas peraê...


 Ai ai... Até a Yumeko e a Saotome estavam rindo. Bem, agora que tiramos o lixo do caminho e nos divertimos com isso, vamos continuar.

 Sorte da Saotome que o Ryouta é gente boa e mesmo que ela já tenha ferrado ele antes o cara ainda devolveu a grana de boas. Acho que agora a Saotome está livre das dívidas, mas a Yumeko continua na batalha, ou melhor, continua na diversão né, pois pra ela isso é uma baita brincadeira hehehe.

 Já deu pra ver que a Sayaka é totalmente encantada pela Kirari! Eu até achei que ela ia fazer algo obsceno com aquela cadeira, mas pelo visto ela é bem comportada. Já é a segunda vez aqui no ABB que recebemos uma moça que é braço direito e é apaixonada pela superior, e também em um anime de girl power hehehe! Se a Sayaka for tão boa quanto sua predecessora ela com certeza vai ganhar muito espaço e carinho por aqui, sendo que ela já ganhou vários pontos pelo choque no Kiwatari 😊

 Agora com Yumeko e Saotome como as "miga encapetadas" essa escola vai pegar fogo! Pena que agora só vamos nos reunir para mais um jogo lá pelo dia 19. Vai ser duro aguentar a abstinência de jogos. Mas até lá vamos pensar em novas estratégias, e trapaças 😈

 Até o próximo episódio de Kakegurui! E obrigado pela Mikudayo! É agora que vou tocar o terror nesse mundo com esse poderoso artefato das trevas MWAHAHAHAHA!! 😈😈😈

2 comentários:

  1. HIHEHEHAHAHAHAHAHA MORRA KIWATARI!!!(CV: Gilberto Baroli)

    Pela primeira vez eu vi justiça sendo feita nesse desenho! Digo, justiça incontestável! Não sinto esse tipo de catarse desde a destruição do Fav!

    Nesse episódio eu fiquei mais com medo de dar uma síndrome de Estocolmo na Tsubomi, mas ainda bem que não foi assim. Ela decidiu mudar! Isso mesmo, Tsubomi! Tem que mudar! Change! O que a Yumeko disse é a pura verdade. Mas o discurso dela pareceu algo tão autêntico, tão vivo. Será que ela já passou por isso?

    Ryouta é o único 100% gente boa nesse desenho. A escolha foi bem feita. Se bem que acho que ele não ia ter coragem de sacanear a Saotome, mesmo depois de tudo o que ela fez. Bom, temos mais um membro no time. Yumeko não saiu do lugar, mas fez o bem, salvando duas meninas e ainda se divertiu com isso. Foi um ganha-ganha (Kiwatari? Não quero nem saber).

    Essa Sayaka é jogo duro! Pelo olhar dela já dava para perceber que ela não estava lá de brincadeira. E essa paixão pela Kirari parece ser algo bem doentio. Bom, pelo menos essa é competente. A Meiko já não era tanto, embora eu gostasse dela mesmo assim.

    Arre! Fiquei com uma Mikudayo e uma Mokkos... Era melhor ter virado Pochi. Pior que ter esses dois artefatos ao mesmo dá azar por todas as encarnações e... Ah, Kiwatari! Que bom te encontrar! Aqui. Leva. Com isso você pode se vingar da Yumeko. É só deixar os dois objetos juntos dentro da sua cueca e isso vai te dar uma tremenda maré de sorte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Usys!

      Até o Saga queria destruir o Kiwatari hehehe!

      Ah, a derrota da garota das unhas também foi justiça hehehe. Mas nada se compara esse grande momento! Se duvidar o Kiwatari era o Fav em forma humana hahahaha!

      Se a Tsubomi se entregasse para o Kiwatari eu mesmo entraria na tela para dar um puxão de orelha nela! Fiquei pensando que talvez tenha acontecido algo na família da Yumeko, vai ver o pai batia nela e na mãe ou algo assim. Me pergunto se algum dia vamos ver a história dela, a curiosidade é gigantesca.

      O Ryouta tá na escola errada, um cara bonzinho como ele vai ter muitas dificuldades. Ainda bem que ele tem a Yumeko cobrindo ele, e agora a Satome, duas poderosas XD

      A Sayaka parece ser bem mais séria e centrada do que a Meiko hehehe. A Meiko é durona mas é bobona demais, ela praticamente pensava como um garotinho apaixonado por uma menina, o que faz ela ser adorável hehehe. Já a Sayaka parece ter a frieza necessária para o serviço, ela deve ser bem perigosa.

      Dois instrumentos das trevas que podem mudar o curso do mundo, cuidado! Pô, eu não tinha pensado nisso! Imagina a Mikudayo devorando o Kiwatari, igual os titãs de Shingeki no Kyojin hehehe!

      Abração!

      Excluir